Venerável Edel Quinn, Missionária na África

Olá amigo(a) leitor(a); eis que apresento um modelo de vocacionada do Senhor. Mulher que se prestou a servir a Deus sem esforços e foi agraciada por Deus com o título de venerável justamente por aquilo que fez pelos mais necessitados.

Nascida no dia 14/09/1907, em Greenane, Irlanda. Conheceu a Legião de Maria através de uma amiga, que recusou um convite de Edel para ir até sua casa, porque tinha de ir a uma reunião da Legião de Maria. Edel interessou-se pelo movimento, quis participar da reunião, se apaixonou e nunca mais o largou. Em 30/10/1936, partiu para a África Oriental, como Enviada da Legião, dedicando-se a um apostolado heróico até a morte, por sete anos e meio, sem nunca voltar à pátria e rever a família. Apesar das inúmeras dificuldades, como o de sua saúde frágil, fundou a Legião de Maria em todo o território do Zanzibar e os imensos territórios de Quênia, Tanganica, Uganda, Niassalândia e Ilhas do Maurício.

Por causa de sua fragilidade, foi forçada a repousos em hospitais, mas, ainda assim, prosseguia em seu apostolado, através da oração e da correspondência. Mulher de atividade mas que escondia-se numa profunda vida de união com Deus. “Como a vida seria solitária sem Ele”, escreveu certa vez.

Seu imenso amor pela Virgem Mãe de Deus, sua confiança e total dependência de Maria, estava presente em todos os aspectos de sua vida, tendo alcançado um grau pouco comum de união com Nossa Senhora. Sempre se questionava o que faria a Virgem Santíssima, antes de tomar qualquer decisão. Quando lhe perguntaram se alguma vez lhe tinha recusado alguma coisa, respondeu: “Não, nunca lhe neguei nada, em tudo quanto me pareceu ser a sua vontade”. Conservou-se sempre alegre até o fim. Fim este que foi repentino, de surpresa, apenas perguntou: “O que está acontecendo comigo? Será que Jesus veio me buscar?” Foi no dia 12/05/1944.

Em 15 de dezembro de 1994 o Papa João Paulo II declarou Edel Quinn “venerável”, sendo assim oficialmente reconhecidas pela Igreja suas virtudes heróicas.

São nessas mulheres de fibra de amor que devemos nos modelar para seguir o Mestre Jesus. Somente a partir de pessoas com essa índole que nos tornaremos herdeiros plenos de bênçãos. Caro(a) jovem, busque responder generosamente aos interesses de Jesus dando o melhor de si. Procure conhecer mais sobre os Consagrados e Consagradas que estão perto de você; se associe a eles(as) e promova as vocações. Deus quer algo de você!

Oração para pedir a beatificação de Edel Quinn

 Eterno Pai, eu vos agradeço a graça que concedeste a vossa Venerável Edel Quinn, de se esforçar por viver sempre na alegria da Vossa presença; eu Vos agradeço a sua irradiante caridade infundida no seu coração pelo Vosso Espírito Santíssimo e a força que ela hauriu no Pão da Vida, para trabalhar até a morte pela glória do Vosso Nome, em amorosa dependência de Maria, a Mãe da Igreja. Confiado, ó Pai Misericordioso, em que sua vida Vos tenha agradado, peço-Vos me concedais, por sua intercessão o favor especial que agora eu Vos imploro (… pedir a graça), e torneis conhecida por meio de milagres a glória que ela goza no céu, para que possa ser glorificada pela Vossa Igreja na terra, por Cristo Nosso Senhor, Amém.

Padre José Antonio Vieira Ferreira, OSJ
Animador Vocacional dos Oblatos de São José

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR em "Venerável Edel Quinn, Missionária na África"

Deixe um comentário

Your email address will not be published.


*